[caption id="attachment_4171" align="alignnone" width="640"]Biscoitos de gengibre esperando meu filho voltar da escola Biscoitos de gengibre esperando meu filho voltar da escola[/caption]

Meu filho anda fascinado pela história do Homem Biscoito de Gengibre, um sujeitinho desaforado que foge do forno gritando: “Você não me pega!”. Alguns fins de semana atrás, resolvi preparar para ele (e com ele) o tal biscoito. Foi um daqueles momentos bonitos da maternidade: nós dois juntando ingredientes, cortando a massa com o molde, sentindo o cheiro de especiarias se espalhar pela casa. Pena que o resultado não foi tão bonito. Os biscoitos ficaram gostosos, mas disformes. “Cadê o olho, mamãe?”, perguntava meu pequeno, enquanto eu, com uma faca, tentava fazer cortes que simulassem um rosto.

Ele se convenceu com o improviso (bem mais que eu). Outro dia, pediu novamente os biscoitos. Com o menino fora de casa, parti para mais uma tentativa, com outra receita. Tirei o passo-a-passo do livro Feito com Carinho (assim como da primeira vez), substituí glicose de milho por mel (assim como da primeira vez) e usei só metade dos ingredientes do original (assim como da primeira vez). Agora, deu certo.

Teste número 31
Receita: biscoitos de gengibre.
Fonte: livro Feito com Carinho, da Publifolha.
Resultado: muito gostoso, quase um caramelo, mas sem formato definido (a massa borbulhou no forno; não sei se me enganei com alguma quantidade ou o quê).

[caption id="attachment_4170" align="alignnone" width="640"]A história que meu filho adora, a receita do livro Feito com Carinho e o resultado do teste 31 A história que meu filho adora, a receita do livro Feito com Carinho e o resultado do teste 31[/caption]

Teste número 32
Receita: gingerbread.
Fonte: livro Feito com Carinho.
Resultado: bem gostoso, com formatos divertidos (mas devo dizer que o sabor do biscoito feioso era melhor).

[caption id="attachment_4169" align="alignnone" width="640"]O teste 32, com biscoitos em diferentes formatos: ainda bem que a gente não desiste fácil, né? O teste 32, com biscoitos em diferentes formatos: ainda bem que a gente não desiste fácil, né?[/caption]

Ingredientes
110 gramas (1/2 xícara) de manteiga sem sal, mais um pouco para untar
350 gramas de farinha de trigo (isso para começar; ao amassar, eu adicionei algumas colheradas a mais para dar liga), mais um pouco para polvilhar
1 colher de chá de bicarbonato de sódio
1 colher de chá de gengibre em pó
150 gramas (1 xícara) de açúcar mascavo
2 colheres de sopa de mel (o original pedia glicose de milho)
1 ovo batido

Modo de preparo
Misturei a manteiga, a farinha, o bicarbonato e o gengibre até fazer uma farofa.

Adicionei o açúcar, o mel e o ovo e misturei mais. Como a massa estava grudenta demais para moldar, acrescentei mais farinha.

Em uma superfície enfarinhada, estendi a massa com um rolo até deixá-la com uns dois milímetros de espessura. Usei cortadores para dar formato aos biscoitos, depois fiz olhos, botões e boca com um palito (o livro recomendava usar uvas passas em vez de fazer buracos, mas meus biscoitos eram pequenos, ficaria esquisito).

Coloquei os biscoitos em assadeiras untadas, deixando espaço entre eles. Levei ao forno a 190ºC por cerca de 10 minutos, até ficarem dourados (alguns queimaram… Preste mais atenção do que eu!).

[caption id="attachment_4168" align="alignnone" width="640"]O livro Feito com Carinho, do qual adaptei as receitas de biscoitos (a do feio e a do ajeitado) O livro Feito com Carinho, do qual adaptei as receitas de biscoitos (a do feio e a do ajeitado)[/caption]

Para ler sobre o Homem Biscoito de Gengibre:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *