Categoria: Da minha mãe

Testes de receitas do caderno da minha mãe.

Torta de banana e goiabada (que recheio!)

Torta de banana e goiabada

Servi receitas dos cadernos da minha família na abertura da Casa Taques, um novo espaço colaborativo em São Paulo. No cardápio, biscoito de parmesão, sanduíche de berinjela ao forno, bolo de fubá, mousse de chocolate amargo, brigadeiro e torta de banana com goiabada. O passo-a-passo desta última, eu publico novamente abaixo. Com uma dica: se sobrar recheio, comemore. Guarde o doce para comer mais tarde com bolo, queijo, sorvete, torrada…

Ingredientes da massa
120 gramas de farinha de trigo
60 gramas de manteiga
60 gramas de açúcar
1 gema
1/2 colher (sopa) de fermento químico
1 pitada de sal

Ingredientes do recheio
150 gramas de goiabada
5 bananas bem maduras

Modo de preparo da massa
Misture todos os ingredientes com os dedos até obter uma massa quebradiça.

Modo de preparo do recheio
Corte em pedaços a goiabada e a banana e coloque-as em uma panela com um pouco de água. Em fogo baixo, mexa e acrescente água aos poucos até que os ingredientes derretam e virem uma pasta grossa.

Montagem
Unte uma forma. Forre a forma com pedaços da massa como se fizesse uma colcha de retalhos bem selada. Em seguida despeje o recheio. Leve ao forno a 200ºC por cerca de 20 minutos.

Maçãs recheadas de creme – lanche ou sobremesa

Maçã recheada de creme - O Caderno de Receitas

Junto com o caderno de receitas da minha mãe, vieram algumas folhas soltas, arrancadas de um bloco com espiral. Tinha me esquecido delas até outro dia, quando as encontrei em uma gaveta. Vem daí o passo a passo destas maçãs recheadas, que têm cara de sobremesa mas que eu fiz para um lanche da tarde mesmo.

Adaptei um pouco. Pus menos leite condensado para diminuir a doçura e acrescentei canela (maçã e canela, como errar?). Também coloquei limão com o intuito de preservar a cor da maçã — talvez por isso, o creme tenha ficado meio granulado, mas o prato ganhou uma acidez necessária.

No fim das contas, sobrou creme do recheio. Juntei com o leite condensado restante e usei de base para outra receita. Mas isso já é outra história e outro post, que entra aqui em breve.

Teste número 57: maçãs recheadas
Fonte – Receitas anotadas por minha mãe em folhas soltas.
Grau de dificuldade – Fácil.
Resultado – Um bom doce de fruta. Comi puro, mas deve ficar também com sorvete ou chantilly.

Ingredientes
4 maçãs
½ limão
½ lata de leite condensado
1 gema
4 colheres (sopa) de vinho
Canela em pó

Modo de preparo
Corte o topo das maçãs com uma faca. Use uma colher para cavar o miolo, com cuidado para não rasgar a casca. Separe as sementes e reserve o restante da polpa (incluindo o topo).

Passe um pouco do suco de limão no interior das maças e misture o restante com a polpa.

No liquidificador ou no processador, bata a polpa com o leite condensado e a gema. Despeje esse creme dentro das maçãs.

Posicione as frutas em uma assadeira, respingue vinho sobre elas, depois cubra tudo com papel-alumínio e leve ao forno a 200 ºC por 15 minutos. Retire o papel-alumínio e deixe no forno por mais 15 minutos. Se o seu forno tem a função “grill”, aproveite para dar aquela dourada no final.

Sirva quente, salpicando canela por cima.

Me refresca que eu gosto (3 doces gelados)

Nem só de sorvete são feitas as sobremesas de verão. Enquanto eu derretia em uma tarde calorenta em São Paulo, montei esta pequena seleção de doces gelados já publicados no blog.

Gelatina de laranja

ingredientes para gelatina de laranjaIngredientes
5 folhas de gelatina sem sabor
5 laranjas
½ xícara de água
Açúcar a gosto (eu não coloquei nada, mas a receita pedia, e acho que a maior parte das pessoas vai preferir adoçar um pouco)

Modo de preparo
Pique a gelatina e misture com 5 colheres de sopa de água.

Esprema as laranjas.

Junte o restante da água à gelatina e leve em uma panela ao fogo baixo até dissolver, sem deixar ferver. Tire do fogo e junte o suco de laranja.

Passe o líquido por uma peneira e em seguida o distribua em forminhas de silicone. Deixe na geladeira até firmar (eu deixei seis horas).

Na hora de desenformar, passe com cuidado uma faca nas laterais das formas, então as vire sobre pratinhos e aperte um pouco para soltar os doces.

Pavê de chocolate

Pavê de chocolateIngredientes
3 colheres bem cheias de manteiga
250 gramas de açúcar
5 gemas
3 colheres de cacau em pó
Biscoitos tipo champanhe
Vinho de sobremesa

Modo de preparo
Misture bem a manteiga, o açúcar, as gemas e o cacau até formar um creme.

Para montar o doce, espalhe uma camada do creme no fundo de uma tigela. Em seguida, mergulhe rapidamente os biscoitos no vinho, disposto em um prato de sopa, e faça uma camada de biscoitos sobre a de creme. Faça então mais uma camada de creme, mais uma de biscoitos embebidos em vinho e mais uma de creme.

Coloque a tigela no congelador por cerca de uma hora (para acelerar o processo) e depois a desça para uma prateleira da geladeira e a deixe ali até a hora de servir.

Creme de morango

creme de morango

Ingredientes
2 caixinhas de morangos (cerca de 500 gramas)
100 gramas de açúcar
250 ml de leite frio
125 ml de creme de leite fresco

Modo de preparo
Lave bem os morangos, corte as folhas e os amasse bem com um pilão. Mistur a fruta com o açúcar e deixe a infusão na geladeira por uns 20 minutos.

Passe a fruta amassada por uma peneira, espremendo bem. Reserve a polpa que sobrou para fazer uma geleia mais tarde.

Junte o leite e o creme de leite à fruta e misture tudo. Volte um pouco o doce à geladeira para ficar bem refrescante e depois sirva em taças de bebida.

 

O que fazer com as bananas maduras? Torta!

torta de banana e goiabada 1
É a segunda vez que faço essa torta de banana e goiabada. Um casal de amigos vinha para o jantar e resolvi prepará-la com umas bananas que estavam prestes a passar do ponto. Para não ficar com muita sobra de doce em casa, cortei pela metade as quantidades dos ingredientes (a receita abaixo já está adaptada a essa versão reduzida). Funcionou bem: a torta ficou mais baixa e com a massa mais fina.

Teste número 53: torta de goiabada e banana da Regina
Fonte – Caderno de receitas da minha mãe – mas a “dona”da receita é a Regina, diarista e supercozinheira que trabalha com a minha família há anos.
Grau de dificuldade – Fácil.
Resultado – Uma boa sobremesa, especialmente quando acompanhada de um sorvete de iogurte.

Ingredientes da massa
120 gramas de farinha de trigo
60 gramas de manteiga
60 gramas de açúcar
1 gema
1/2 colher (sopa) de fermento químico
1 pitada de sal

Ingredientes do recheio
150 gramas de goiabada
5 bananas bem maduras

Modo de preparo da massa
Misture todos os ingredientes com os dedos até obter uma massa quebradiça.

Modo de preparo do recheio
Corte em pedaços a goiabada e a banana e coloque-as em uma panela com um pouco de água. Em fogo baixo, mexa e acrescente água aos poucos até que os ingredientes derretam e virem uma pasta grossa.

Montagem
Unte uma forma. Forre a forma com pedaços da massa como se fizesse uma colcha de retalhos bem selada. Em seguida despeje o recheio. Leve ao forno a 200ºC por cerca de 20 minutos.


Para cozinhar mais:

Maçãs verdes à milanesa

maçã verde à milanesaMaçãs fritas: receita do caderno da  minha mãe para a ceia de Ano Novo 

Vasculhei o caderno da minha mãe em busca de acompanhamentos para o leitão com lentilhas que meu marido planejava preparar para a ceia de Ano Novo. Fui com a cara destas maçãs porque tinham um ar meio retrô e, por causa da acidez, prometiam cair bem com a carne de porco. Promessa cumprida.

Na noite do dia 31, descobri também que as maçãs temperadas conforme a receita mas não empanadas nem fritas rendem um petisco gostoso ou mesmo um bom acompanhamento. No tradicional almoço de sobras de 1º de janeiro — quando o estado da cozinha não era convidativo para novas frituras —, as maçãs cruas com limão, sal e pimenta casaram deliciosamente com o que restava do leitão.

Teste número 51: maçãs verdes à milanesa
Fonte – Caderno de receitas da minha mãe.
Grau de dificuldade – Fácil (o mais difícil é cortar as rodelas, caso você não tenha um fatiador. Cuidado).
Resultado – Um gostoso acompanhamento para carne de porco (e a descoberta de que a fruta temperada fica gostosa mesmo antes de empanar e fritar!).

Ingredientes
2 maçãs verdes
Suco de ½ limão
Sal
Pimenta
Farinha de trigo para empanar
2 ovos
Farinha de rosca para empanar
Óleo para fritar

Modo de preparo
Fatie as maçãs com cerca de 0,5 cm de espessura, deixando a casca (eu fiz algumas rodelas e algumas meia-luas). Usando uma faca ou um cortador, retire o miolo com os caroços. Tempere com limão, sal e pimenta.

Empane cada pedaço na farinha de trigo, depois no ovo batido, depois na farinha de rosca. Frite em óleo bem quente e sirva na hora.

ceia de Ano Novo
A ceia: leitão com lentilhas, maçãs verdes à milanesa e salada picante de espinafre, laranja e avocado